Limpo

Segunda | 20 Novembro

24C

32

21

Viva Moçambique < voltar

Geografia

A biodiversidade é um dos maiores atractivos

23/08/2012 | Fonte: Por Renato Costa

Moçambique possui cerca de 799 380 Km de território que é banhado pelo Oceano Índico. Com praias de águas cristalinas e de uma riqueza subaquática fantástica, compostas por diversas espécies animais, corais, descobertas arqueológicas, testemunho de contacto com outras culturas, Moçambique é uma pérola a descobrir no Índico.

O seu potencial turístico estende-se pelo interior, com florestas e fauna bravia dos trópicos, rios, riachos, lagos e lagoas, aliado a natural simpatia das suas gentes, como testemunhou o navegador português, Vasco da Gama, quando da sua passagem por Inhambane, chamando a localidade de “Terra de boa gente”.

Moçambique fica localizado na Costa Sudeste de África, com uma superfície de cerca de 799 380 Km2 que se estende no sentido Norte/Sul em direcção ao Índico, que se confronta ao longo de 2.515 Km da linha de costa.

A Norte faz fronteira com a República da Tanzânia, a noroeste com o Malawi e a Zâmbia, a oeste com o Zimbabwe e a República da África do Sul, e a Sul com a Suazilândia e ainda a África do Sul. O país atinge a sua largura máxima no Centro/Norte, entre a Costa e a confluência dos rios Aruângua e Zambeze.

De Cabo Delgado, a Nampula passado pelo interior de Inhambane, são zonas planálticas, com altitudes entre os 200 e os 600 metros, que se estendem, entre Manica e Sofala, por uma região mais elevada com altitudes que atingem os 1.000 metros.

Os pontos mais altos do país, ficam situados no maciço de Massururero, na escarpa de Manica, com cerca de 2.436 metros, e nos Picos Namúli, em Sofala, com cerca de 2.419 metros. Este último fica a 200 metros da Serra da Gorongosa.

O Clima

O clima no país em geral é tropical e húmido, que sofre a influência das monções do Oceano Índico e da corrente quente do Canal de Moçambique.

A estação seca no Centro/Norte varia entre quatro a seis meses, enquanto, que, no Sul, o clima é tropical seco e se estende por seis a nove meses.

As chuvas costumam ocorrer entre os meses de Outubro e Abril. A Sul a média de temperaturas anuais de 20ºC, e nas regiões a Norte as temperaturas rondam os 26ºC. As temperaturas mais elevadas verificam-se na época das chuvas. Nas montanhas, o clima é tropical.

A Fauna e Flora

Em Moçambique existem três tipos de vegetação, a floresta densa nas terras altas do Norte/Centro, a floresta aberta e as savanas no Sul, e na zona costeira, os mangais.

Estes ecossistemas constituem o habitat de espécies selvagens como elefantes, leões, leopardos, chitas, hipopótamos, antílopes, tartarugas e grande número de aves, entre muitos outros.

Para muitos turistas conhecer o Moçambique pode representar fazer umas “férias de sonho”, visitando o Kruger Parque, um dos maiores parques do mundo, as lindas praias e ilhas tropicais, isto e muito mais num imenso país que tem muito por descobrir e visitar.

As opções são muitas de acordo com as preferências do visitante. Partindo de Joanesburgo ou Nelspruit, ou mesmo seguindo de Maputo, a viagem reúne num único itinerário, uma excitante rota que oferece diversas aventuras, para quem visita Moçambique.

O parque da Gorongosa, que já foi considerada uma das maiores e mais ricas áreas de biodiversidade em toda a África, proporciona aos visitantes um contacto directo com a natureza.

Actualmente em fase de reestruturação, onde se procura devolve num espaço de 20 anos trazer vida nova ao mais emblemático Parque de vida selvagem em África, e que tem recebido a visita de diversos cientistas que têm dedicado à investigação da sua biodiversidade, que começa a ser considerada uma das maiores do mundo.

Também no parque natural de Bazaruto podemos ver aves exóticas, recifes de corais e espécies marinhas protegidas como dugongos, golfinhos e tartarugas marinhas.

Praias

A costa de Moçambique, voltada para o Índico, é rica em todo o tipo de praias e é o berço de muitas espécies marinhas, algumas das quais em vias de extinção.

Para os amantes de uma boa praia, as opções são várias de acordo com o lugar onde se encontra. A Norte temos praias mais rochosas, no Centro, junto aos rios, é possível encontrar as praias lodosas junto a extensos mangais e a Sul podemos desfrutar das praias arenosas, com dunas altas e cobertas por vegetação rasteira.

Na Ilha de Moçambique, património mundial da UNESCO, as praias são tropicais, onde é possível encontrar ilhas virgens com águas quentes e recursos marinhos maravilhosos. As oportunidades de ecoturismo nas Quirimbas e a experiência cultural da ilha do Ibo completam um ambiente natural repleto de encanto.

São muitas as praias de águas transparentes que convidam ao mergulho, barreiras de coral de uma beleza extraordinária, com ecossistemas ricos e um mar aberto onde é permitida à caça submarina e a pesca desportiva são algumas atracções turísticas no país.

Entre as muitas praias que se estendem ao longo da extensa costa marítima destacamos as praias de Pemba, Ilha de Moçambique, Fernão Veloso, Chocas, Vilanculos, Tofo, Morrungulo, Inhassoro, Inhambane, Bazaruto, Zongoene, Xai-Xai, Bilene, Marracuene, Inhaca, Ponta de Ouro e Ponta, de Malongane, pelas óptimas condições de hospitalidade que oferecem aos seus visitantes.

Estas praias são perfeitas para umas férias onde pode desfrutar de toda a tranquilidade possível de longos areais para caminhadas e repouso, ou se preferir ainda, poderá optar por fazer algumas actividades aquáticas, como o mergulho.

©www.sapo.mz

Comentários